Orquestra de Jovens da UE selecionou 16 músicos portugueses para a temporada 2017

música
Orquestra de Jovens da UE selecionou 16 músicos portugueses para a temporada 2017
Internacionalização | Música
[ Qui, 18/05/2017 - 19:29 ]

A Orquestra de Jovens da União Europeia (OJUE) selecionou 16 jovens músicos portugueses para a temporada de 2017. Integrarão a Orquestra, como membros efetivos, Carlos Leite (Trompete), José Nunes Male (Viola), Domingos Ribeiro (Contrabaixo), Rui Rodrigues (Contrabaixo), Sofia Silva Sousa (Viola), Miguel Sobrinho (Viola), e Lia Yeranosyan (Violino). Integrarão a Orquestra, como reservas Diogo Andrade (Trombone), Cristiana Custódio (Trompa), Miguel Erlich (Viola), Pedro Figueiredo (Contrabaixo), João Miguel Silva (Oboé), Nuno Osório (Contrabaixo), Carolina Alves (Trompete), José Trigo (Contrabaixo) e Catarina Koppitz (Violoncelo).

Fundada há mais de 30 anos com o objetivo de juntar os mais talentosos jovens instrumentistas da União Europeia, a OJUE oferece aos candidatos aprovados a oportunidade de trabalhar com professores especializados de instrumento e de tocar em todo o mundo com maestros e solistas de renome. Os cursos estão organizados num período de duas semanas de ensaios gerais e de naipes com professores de orquestras e conservatórios da Europa, seguido de uma digressão de cerca de 10 concertos. 

Portugal faz parte da Orquestra de Jovens da União Europeia desde 1986, sendo a DGArtes a organizar, anualmente, as audições em Portugal. Para a temporada deste ano, as audições decorreram entre outubro e novembro de 2016 e contaram com a parceria de duas das mais emblemáticas instituições portuguesas na área da música, o Teatro Nacional de São Carlos e a Casa da Música, que acolheram esta iniciativa. 

A participação portuguesa é suportada pela Direção-Geral das Artes/ Ministério da Cultura e pelo Instituto Camões/ Ministério dos Negócios Estrangeiros.  

Mais info: www.dgartes.pt/ojue2016/index.htm