Categoria

dança

Bouchra Ouizguen é um dos nomes da próxima edição do Alkantara Festival, que decorre entre 23 de maio a 9 de junho. A coreógrafa marroquina apresenta a performance "Corbeaux", inspirada no ritual da dança transe de Marrocos. Em Lisboa, "Corbeaux" será interpretada por um grupo de cerca de 20 mulheres, criando um encontro entre as artistas marroquinas da companhia e mulheres portuguesas, que participarão num intensivo workshop de preparação.

Estão abertas as candidaturas para a programação artística do Andanças 2018, que está de regresso à vila de Castelo de Vide, de 1 a 5 de agosto. Este ano o Festival mantém o mesmo formato da edição de 2017, contando com uma programação multidisciplinar.
Ao longo de 23 edições o Andanças têm-se afirmado como um Festival marcante na Música e na Dança em Portugal, onde artistas e públicos interagem ativamente com práticas tradicionais, reinventando-as e fundindo-as com expressões artísticas emergentes e inovadoras.

Companhia Paulo Ribeiro e o Teatro Viriato promovem pela primeira vez o Summer Lab, um programa intensivo de formação em dança. Durante uma semana, formadores de renome nacional e internacional irão proporcionar o acesso a diversas linguagens artisticas, métodos criativos, estilos e práticas do corpo, variando entre as técnicas de dança clássica e contemporânea, improvisação, laboratório coreográfico, assim como composição segundo o método do reconhecido coreógrafo Wayne MacGregor.

Estão abertas as inscrições para as audições "For Dance Theatre – Curso Integral 2018-2020 ", uma ação de formação na área da dança, orientada pela coreógrafa Olga Roriz, em parceria com os bailarinos da COR e outros profissionais do espetáculo de reconhecido mérito artístico e pedagógico. 

Direção pedagógica: Olga Roriz
Apoio pedagógico e produção: Lina Duarte

NO INTERVALO DE UMA ONDA é um solo de sombras, evocações e máscaras partindo da imagem 'A Grande Onda de Kanawaga', obra icónica do pintor japonês Hokusai criada em 1830 e reproduzida a partir de meados de 1870 através de uma série de litografias partindo da técnica tradicional de estampa japonesa, conhecida por Ukiyo (literalmente, “mundo flutuante”). Nesta viagem a Tóquio coleccionam-se e cruzam-se referências e impressões, obras e narrativas que alimentam o espólio de imaginários e imagens em torno do país do Sol nascente.

Encontram-se abertas as candidaturas à participação no Festival Internacional de Danças Folclóricas "Golden Karagoz". O Festival terá lugar em Bursa, entre os dias 7 e 12 de julho de 2019, é é organizado pela Câmara Municipal local com o apoio do Ministério da Cultura e Turismo da Turquia.
Este é o Festival mais importante do género no país.

No dia 4 de fevereiro, a CDCE realiza um workshop de dança contemporânea no espaço Marvila Dance Studio, em Lisboa, dirigido por 3 jovens criadores, Gonçalo Andrade, Miguel Ramalho e Luís Malaquias. Ao longo do dia irão decorrer 3 sessões (de nível avançado), dirigidas por cada um dos criadores convidados, destinadas não só a estudantes na área da dança, mas também a profissionais. 

O Curtas de Dança, evento realizado no âmbito do Festival DDD - Dias da Dança, é uma mostra de trabalhos de curta duração, focando-se na apresentação de objectos artísticos experimentais com uma forte vertente laboratorial. Os projetos a apresentar no Armazém 22 serão selecionados através de candidatura e podem-se desenvolver em diferentes formatos: performance, documentário, vídeo-dança, entre outros. 

Estão oficialmente abertas as candidaturas para o 10ª InShadow - Lisbon ScreenDance Festival.

Até dia 31 de maio de 2018 podem ser submetidos trabalhos nas áreas de Vídeo-Dança, Documentário, Animação, Performance e Artes Visuais.

As candidaturas serão avaliadas por um Júri composto por especialistas na área dos cruzamentos disciplinares.

Os prémios para a Competição de Vídeo-Dança e Documentário contam com o apoio da Conserveira de Lisboa, da ETIC – Escola de Tecnologias, Inovação e Criação e do Soudos - Espaço Rural das Artes.

Formação/ criação e investigação artística – corpo
Caminhando lado a lado entre a experiência da dança e o estudo da embriologia proponho uma aproximação a movimentos que geram o Corpo que vamos sendo. Pulsação, ritmo, espera, encontro, migração, indução, morte, fluxo, torção, compactação, expansão, empurrar, chamar, deslizar, convidar, apertar, abrir espaço, entrar, sair, encaracolar, dobrar…

/
Locais, datas e horários:
c.e.m - centro em movimento 
24, 25 e 26 janeiro | das 10h às 13h30
Preço: 40€

Páginas