Categoria

arquitetura

Decorre até 6 de janeiro de 2021, a Call for Ideas da Future Architecture, plataforma apoiada pelo Programa Europa Criativa, que inclui como membros portugueses a Trienal de Arquitectura de Lisboa e a Fundação Calouste Gulbenkian e é coordenada pelo MAO- Museu de Arquitectura e Design de Ljubljana.

Foram divulgados, esta semana, os resultados da convocatória aberta lançada pelo Projeto In Conflict para a seleção de cinco propostas de debate para integrarem o programa oficial que representará Portugal na 17ª Exposição Internacional de Arquitetura - La Biennale di Venezia. Para além dos debates escolhidos, uma dupla de convidados diretamente selecionada pelos curadores organizará três outros eventos, completando um ciclo internacional de oito debates.

O Projeto In Conflict, que representará Portugal na 17ª Exposição Internacional de Arquitetura - La Biennale di Venezia, já está presente nas redes sociais.

A Representação Portuguesa na Bienal de Veneza, comissariada pela Direção-Geral das Artes, tem como equipa de curadoria o colectivo depA architects, que assume igualmente o projecto expositivo. O pavilhão de Portugal ocupará novamente o Palazzo Giustinian Lolin, sede da Fundação Ugo e Olga Levi. A abertura ao público será a 22 de maio e a exposição poderá ser visitada até dia 22 de novembro de 2021. 

A Bienal de Arquitectura de Veneza, com curadoria de Hashim Sarkis, será realizada em Veneza (Giardini e Arsenale) de 29 de agosto a 29 de novembro, em vez de 23 de maio a 29 de novembro, conforme anunciado anteriormente.

A Dafne Editora apresenta o livro "Arquivo Diogo Seixas Lopes" nos dias 16, 21 e 22 de novembro, em Lisboa, no Porto e em Zurique. 

O projeto expositivo 'IN CONFLICT' do coletivo depA, do Porto, foi selecionado para representar Portugal na 17ª edição da Bienal de Arquitetura de Veneza, que decorre entre 23 de maio e 29 de novembro de 2020 sob o tema "How Will We Live Together", com curadoria do libanês Hashim Sarkis.

Pavilhão Siza abre as portas ao público no dia 8 de setembro no CIFF Xangai (China International Furniture Fair- CIFF), podendo ser visitado até 11 de setembro de 2019. 

A acompanhar a mostra realizar-se-á o Fórum Internacional de Design de Arquitetura "Designed for Humans: From Álvaro Siza's Modernism into the Digital Future", com a contribuição de marca premium CAMERICH, CIFF e Aedes Architecture Forum Berlin. 

Decorre até 21 de setembro de 2019 o prazo de candidaturas ao concurso promovido pelo programa Actors of Urban Change, aberto aos Estados membros do Conselho da Europa, bem como ao Kosovo e à Bielorrússia.

O concurso assenta na capacidade de conceber projetos que visem a transformação urbana, apelando a parcerias com “changemakers” de várias cidades europeias.

Dia 28 de junho foi assinado  um protocolo de parceria entre a Direção-Geral das Artes e a Casa da Arquitetura relativo ao depósito do acervo das representações portuguesas na Bienal de Arquitetura de Veneza, que contou com a presença da Ministra da Cultura, Graça Fonseca, e da Secretária de Estado da Cultura, Ângela Ferreira.

A Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) abriu o primeiro de dois concursos de Projetos de IC&DT, para a investigação em torno da obra de Álvaro Siza Vieira. O concurso tem como objetivo incentivar a investigação nas diversas vertentes da sua obra, da arquitetura às artes, das ciências sociais às ciências de engenharia e dos materiais. Esta iniciativa surge na sequência de protocolo celebrado entre o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, o Ministério da Cultura e a Fundação de Serralves. 

Páginas