Categoria

"A Menos de 50km de Casa", de Pedro Bastos, "Fábrica de histórias: Encontrar, Texere e Confabular 100 anos da Coelima" e "Longe 遥か", de Filipa Tojal são as 3 exposições que vão inaugurar este sábado, dia 7 de maio às 17h, no CAAA - Centro para os Assuntos da Arte e Arquitectura, em Guimarães. As exposições ficarão patentes até dia 18 de junho.
 


 

Descrição:

A Representação Oficial Portuguesa na Bienal de Veneza apresenta agora em Lisboa a sua reflexão sobre o espaço de debate público em torno da habitação, num catálogo em dois volumes.

A exposição 'In Conflict', que representou Portugal na Bienal de Arquitetura de Veneza em 2021, revisitando uma seleção de processos da arquitetura portuguesa pós-25 de Abril, foi inaugurada no dia 4 de fevereiro, no Palácio Sinel de Cordes, em Lisboa e vai ficar patente até dia 30 de abril.

Inaugura no próximo dia 4 de fevereiro, em Lisboa, a exposição IN CONFLICT da Representação Portuguesa na Bienal de Veneza 2021 que revisita uma selecção de processos da arquitectura portuguesa pós-25 de Abril.  Pela primeira vez em Portugal, os conteúdos que ficarão expostos no piso nobre do Palácio Sinel de Cordes, até ao dia 30 de abril, dão notícia de sete processos mediáticos marcados por destruição material, deslocação social ou participação popular. 

In Conflict – o Pavilhão de Portugal na 17.ª Exposição Internacional de Arquitectura La Biennale di Venezia – encerra as suas portas este domingo, dia 21 de Novembro, data de fecho desta edição da Bienal de Arquitectura. Esta data marca também o momento de despedida do Palazzo Giustinian Lolin, da Fundação Ugo e Olga Levi, sede do Pavilhão de Portugal em três edições da Bienal de Veneza (duas de arquitectura e uma de arte, desde 2018), conforme anunciado pela Ministra da Cultura Graça Fonseca na inauguração oficial da exposição.

Sinopse:

"Da Produção ao Arquivo" é o tema do debate que vai acontecer no sábado, dia 2 de outubro, a partir das 18h30, na Casa da Arquitectura, no âmbito do Programa Paralelo da Exposição “Radar Veneza – Arquitetos Portugueses na Bienal 1975-2021", com a participação de Jean-Louis Cohen, Nuno Faria, Vanessa Grossman e moderação de Joaquim Moreno.

O livro «In Conflict Vol.1», publicado pela Circo de Ideias e com edição de DepA architects já está disponível na livraria da editora. 

A Representação Portuguesa na 17ª Exposição Internacional de Arquitectura - La Biennale di Venezia inaugurou oficialmente no passado dia 23 de setembro com a presença da Ministra da Cultura, Graça Fonseca e do Diretor-Geral das Artes, Américo Rodrigues.

A Representação Oficial Portuguesa na 17ª Exposição Internacional de Arquitectura La Biennale di Venezia abriu as portas ao público há 2 meses no Palazzo Giustinian Lolin, da Fondazione Ugo e Olga Levi, e já contou com a visita de mais de 2 mil pessoas, entre as quais profissionais da área, estudantes e investigadores, famílias e público em geral, vindas de todo o mundo. 

Páginas