Tags

Internacionalização

A 58.ª Exposição Internacional de Arte – “La Biennale di Venezia” inaugurou ao público no passado mês de maio com o projeto "a seam, a surface, a hinge, or a knot", da artista Leonor Antunes, com curadoria de João Ribas.
Um mês após a sua inauguração, o Pavilhão de Portugal, que está instalado no Palazzo Giustinian Lolin, sede da Fundação Ugo e Olga Levi, já recebeu mais de 7.200 visitantes.

Sinopse:
O medo, sentimento universal, tão avassalador quanto essencial.
Acompanha-nos diariamente e faz-nos muitas vezes questionar a nossa coragem.
Mas existem medos muito diferentes, entre materiais e abstractos, entre os que precisam de ser conquistados e os que são essenciais à sobrevivência.
“Fobos” é um mergulho no desconhecido, uma tentativa de compreender aquilo que nos assusta e porque nos assusta. É uma caixa cheia de desconhecido.
Fecha os olhos. Dá um passo em frente!

A Sonoscopia Associação Cultural apresenta o concerto “Phobos - Orquestra robótica disfuncional” no Museo de Arte Moderna de Medellin, no dia 12 de junho, no Festival Interncaional de la Imagen de Manizales, no dia 14, e no Museu da Tertulia, em Cáli, no dia 15.

Windows, com curadoria de José Capela, inaugurou no dia 6 de junho, na 14.ª Quadrienal de Praga Performance Design and Space – a mais importante mostra internacional de cenografia e arquitetura teatral - que este ano decorre de 6 a 16 de junho, dedicada ao tema “Imaginação, Transformação, Memória”, sob direção-geral de Pavla Petrová.

2019 | 58.ª EXPOSIÇÃO INTERNACIONAL DE ARTE LA BIENNALE DI VENEZIA

"a seam, a surface, a hinge, or a knot", de Leonor Antunes, é o projeto que representa Portugal na 58.ª Exposição Internacional de Arte La Biennale di Venezia. que abriu ao público no dia 11 de maio, no Palazzo Giustinian Lolin. Com curadoria de João Ribas e comissariado a cargo da Direção-Geral das Artes, a exposição vai estar patente até 24 de novembro. 

Nos próximos dias 24 e 25 de maio, o FIAR vai estrear o espectáculo de circo contemporâneo “Baixos e Altos” no Festival de Teatro de Artes de Calle (TAC) de Valladolid, Espanha.

A performance GATILHO DA FELICIDADE, de Ana Borralho & João Galante será apresentada nos dias 24 e 25 de maio no Teatro ROXY Biersfeld, Suíça – inserido no Festival Wildwuchs.

Sinopse:
O subterrâneo está vivo, o ar repleto de metal, há existência em toda esta selva, a que chamamos JÂNGAL.  

Um espectáculo de Karl Valentin com encenação de Ricardo Neves-Neves vai agora ser apresentado em Macau. Já passou por Torres Novas, Montemor-o-Novo, Festival de Almada Palco Grande, Teatro da Trindade, Quarteira, Loulé, Querença e agora aventura-se em palcos internacionais.
Karl Valentin Kabarett cruza várias peças curtas de Karl Valentin com músicas de repertório popular alemão do início do século XX, cantadas ao vivo em alemão pelos onze actores e um cantor lírico, acompanhados de uma orquestra de dez elementos.

"a seam, a surface, a hinge, or a knot", de Leonor Antunes, abriu ao público no dia 11 de maio, no Palazzo Giustinian Lolin. Com curadoria de João Ribas e comissariado a cargo da Direção-Geral das Artes, a exposição vai estar patente até 24 de novembro. 

Páginas